segunda-feira, 16 de julho de 2007

ainda para lembrar

Só agora...
que os pêlos colam
na pele...
e exploram do sal
sabores perfumados...
Só agora...
que a fome cobra
seu gosto
saciado
e devora marcas...
declara sinais...
Só agora
que eu vivo
no espaço nítido
do seu sorriso...
e conto as horas
apressadas
que não voltam mais!

2 comentários:

renata, moça do atendimento técnico disse...

oi, chuchu!

LoRé disse...

Super inspirada, hein?! Sem comentários (olha a ironia!)!

Me escreva assim que puder, você precisa me indicar o nome de algumas poetisas... Beijos.