quarta-feira, 27 de dezembro de 2006

fragmentos de um amor sem discurso

Hoje nosso amor se quebra
na arritmia das palavras:
a interna e falsa promessa
que o verso desconversa
e cala nos desejos do corpo
A falta da rima
na sintaxe desordenada
a métrica irregular e perdida
que adormece entre os poemas
tão inacabados quanto este
O fim da estrofe que ajoelha
e implora mais uma linha
para não se sentir ímpar
noutro soneto que definha sem par
O título sem concordância
no topo, sem ponto inicial
O rascunho de um encontro
que só se sabe final.


Último post do ano!!! Um ano em que a poesia começou calada... Um ano que se eu pudesse esquecer... Ah..se eu pudesse....rsrsrs... MAS... ainda bem que há sempre uma conjunção pra salvar tudo!!..rsrs... Lembro agora de tantos versos clássicos de poetas eternos... não escreverei...rs... Deixo apenas o registro meio amargo... meio fraco... de um ano que mudou minha vida... embora ainda esteja recolhendo os cacos...rs...
Por isso:
Obrigada Moacir Caetano por ter se preocupado comigo...rs... e por todos os amigos - Múcio, Marla, Jardim, Nanna, Fejones, Ady, Zé... etc. - que pude "roubar" de você..rs...
Obrigada Dantas por sentir minha falta e me procurar...
Obrigada Loba por estar sempre de portas abertas...
Obrigada poetas de Sampa..rs... descobertos antes reais... entre abraços fortes... poemas molhados... e cerveja gelada... Czarina, Keila, Elaine, André, Renato, Otavio, Kathy
Obrigada a quem me visita em silêncio... rsrs...
E obrigada especialmente a "quem me quer(ia) desorganizada"...rs... Por todos os versos que partilhamos nos desencontros noturnos... e que renderam poemas querentes... na nossa incompletude mútua e cúmplice...
A todos: FELIZ 2007!!!!!

9 comentários:

A czarina das quinquilharias disse...

feliz 2007!!!
e obrigada pelo poema de natal :D

Múcio Góes disse...

Querida amiga, obrigado pelo carinho, que em 2007 possamos fazer poesia de tudo que nos seja.

Feliz 2007!

bjsss

Leandro Jardim disse...

Lindo
poema e mensagem!
Imagens e confetes
pra pensar 207
lindo


beiJardins

Poeta Matemático disse...

Não fui citado, mas de nada mesmo assim..

rsrsrs

paulo vigu disse...

Que o amor sem discurso ame muito mais do que aqueles que falam, falam falam e zzzzzzzzz. 2007 para pintar o sete. Riodaquiaí leva água boa e beijo. Paulo Vigu

Luzzsh disse...

Em 2007, pro 2º Encontro, quero estar na mesma mesa, entre uma cerveja e outra....

;)

Beijos! Feliz 2007 pra ti tb!!!

Keila Sgobi disse...

É tanto amor transbordando pelas páginas de meus queridos e queridas poetas!

Estou amancionada!

Foi belo conhecer você, doce e leve menina em corpo de mulher; mulher em letras de menina; ser que não se pode descrever.

Espero escrever mais, amar mais, ser tão amada quanto, e poder estar contigo e os outros poetas que nos encontramos...

Bjs

Destro disse...

Feliz 2007!

Decca disse...

escreve tanto, presenteia tanto e ainda agradece,... tsss tsss tssss,... bom vir aqui, mas confesso, ainda não foi o suficiente, mas o que me anima é que o ano está apenas começando,... feliz ano novo,... beijos